Saiba porque você deve investir na Espanha

A Espanha não é apenas um destino turístico. Saiba como fazer negócios nesse ótimo país para investir!

Barcelona, Madri, Valência, Toledo, Málaga, Sevilla, San Sebastián e tantas outras, são cidades muito conhecidas na Espanha por serem destinos turísticos incríveis, com pontos conhecidos e ótimas opções de lazer. O que prova tudo isso é o número de turistas que a Espanha recebe todos os anos. São milhões de estrangeiros todos os anos, que fazem com que o país europeu seja um dos mais visitados de todo o mundo, e com que o turismo seja uma das principais atividades econômicas do lugar.

Mas as belas praias, a gastronomia e a cultura não são as únicas coisas que fazem com que a Espanha seja um destino tão procurado pelas pessoas. Os negócios também são uma ótima razão para ir ao país ibérico, e nesse texto você saberá porquê.
 

Estrutura do país e localização

O IDH espanhol é considerado muito alto, superando o nível de 0,800, e é consequência de um desenolvimento humano avançado, fruto de uma população extremamente qualificada para o mercado de trabalho e tantos outros motivos que garantem qualidade de vida aos que vivem na Espanha.

Esse dado também é consequência de uma infra-estrutura avançada, que facilita o turismo e a realização de negócios na Espanha. Portos, aeroportos e estatradas estão espalhadas e bem distribuídas pelo país, que tem a vantagem de ser urbanizado e bem desenvolvido em todas as regiões.

Essa estrutura torna-se algo ainda mais destacável, quando olha-se para a localização da Espanha, que está perto dos principais centros do mundo, podendo ser uma porta de entrada para fazer negócios em diversos mercados de diferentes continentes.
 

Fomento aos investimentos

O país foi um dos que mais sofreu durante a crise de 2008, e isso obrigou com que os governos repensassem o modelo de gestão e implementassem ideias de para planos de recuperação econômica. Com isso, a Espanha passou a ter um quadro legal favorável para os negócios, e a legislação tornou-se mais liberal para o capital estrangeiro, não fazendo distinção entre investidores nativos e estrangeiros.

Além dessas medidas, importantes reformas foram feitas dentro  da economia espanhola, proporcionando cortes nos gastos públicos, privatização de indústrias e assim aumentando a competitividade através de reformas dentro do mercado de trabalho. Além disso, a reestruturação dos setores bancários também é decisiva para esse fomento, já que significa a recuperação da confiança de investidores no sistema financeiro do país, que agora é muito mais estável do que nos maiores picos da crise.
 

Desafios de investir na Espanha

Apesar das incontestáveis vantagens de se investir na Espanha e dos diversos setores para fazer isso, como o de turismo e o imobiliário, que são ótimas oportunidades na maioria dos países europeus, a Espanha tem seus desafios.

Assim como em qualquer outro país, a internacionalização na Espanha é um desafio, por se tratar de um novo país, um novo mercado, uma nova legislação e uma nova cultura para que sua empresa se estabeleça. E além disso, a Espanha, mesmo se recuperando economicamente, passa por uma crise política, decorrência de questões que estão em pauta no país há muito tempo, como os separatismos, por exemplo.

 

Para auxiliar você nesse desafio, fazendo com que sua empresa consiga ótimos resultados, a Carbone & Vicenzi oferece o full-service, garantindo o funcionamento do seu back office e dando a confiança que só uma consultoria com mais de 20 anos de experiência pode oferecer. Entre em contato conosco e conheça mais sobre como podemos ajudar sua empresa a encarar esse desafio.

Notícias Relacionadas